, ,

Cloreto de sódio P.A.

Availability:

131 em estoque (pode ser encomendado)


CLORETO DE SÓDIO, P.A.

R$107,80

131 em estoque (pode ser encomendado)

Consulte o prazo estimado e valor da entrega

Não sei meu CEP
CLORETO DE SÓDIO, P.A.
Código N°: 13-1060-05
Peso Molecular: 58,44
Apresentação: 500 g1 – Identificação do Produto e da Empresa
Nome do Produto: CLORETO DE SÓDIO, P.A.

2 – Composição e Informações sobre os ingredientes
Nome químico: Cloreto de Sódio.
Sinônimo: Sal Micronizado Monarca sem Iodo; Sal sem iodo.
Fórmula: NaCl
Natureza química: Mineral; produto inorgânico extraído da água do mar.
3 – Identificação de Perigos
Não é inflamável.
Não é explosivo.
Estabilidade: Higroscópico.
Polimerização: Não ocorre polimerização perigosa.
4 – Medidas de Primeiros Socorros
Contato com os olhos: Não permitir que a pessoa esfregue os olhos ou que os mantenha
fechados; levante com cuidado as pálpebras e lave os olhos imediatamente e continuamente com bastante água; consulte um oftalmologista caso persista os sintomas.
Em caso de inalação: Remover a pessoa para lugar ventilado e auxiliar a respiração, se necessário.
Em caso de ingestão: Faça com que a pessoa fique consciente e alerta, ministre 1 ou 2 copos de água e depois induza ao vômito. Jamais faça uma pessoa inconsciente em convulsão ingerir qualquer coisa por via oral.
Informações ao médico: Não se aplica.
5 – Medidas de Combate a Incêndio
Por não ser um produto inflamável, não há medidas de combate a incêndio.

6 – Medidas de Controle de Vazamento e Derramamento

  • Isolar a área procurando manter a distância os curiosos e pessoal desnecessário; notificar a segurança.
  • Recolher o material derramado usando ferramenta adequada (ex.: pá), colocando em recipientes adequados, que podem ser sacos plásticos, baldes, latões.

7 – Manuseio e Armazenamento
Manuseio: Evite inalar o pó de Cloreto de Sódio.
Armazenamento: Guarde em área seca, fresca e bem ventilada, distante de fontes de água e
incompatíveis, como: Lítio + calor; anidrido dicloromaleico + urea; compostos de nitrogênio +
eletrólise (formas de tricloreto de nitrogênio explosivo) e trifluoreto de bromo.
Obs: A qualidade do produto é diretamente ligada ao estado em que está sendo armazenado,
evitando-se: Umidade; Embalagem rasgada; Objetos estranhos sobre as embalagens.
Materiais seguros para embalagens (recomendados): Saco de polietileno; Big Bag (1T) de polipropileno ou lona.

8 – Controle de Exposição e Proteção Individual
Ventilação: Providenciar sistema de ventilação/exaustão geral ou local.
Equipamento de Proteção Individual: No manuseio do sal industrial – sal refinado

9 – Propriedades Físico-Químicas

TESTE ESPECIFICAÇÃO
Aspecto Pó cristalino
Cor (visual) Branco
Odor Característico
pH (sol. aquosa 1%) 6,00 – 9,00
Solubilidade Solúvel em água Praticamente insolúvel em etanol
Aspecto da solução Límpida e incolor
Identificação Passa teste
Acidez ou alcalinidade Passa teste
Bário Passa teste
NaCl (Base seca) 99,0 – 100,5%
Umidade (110°C) Máximo 1,0%
Insolúveis Máximo 0,1%
Magnésio(Mg2+) Máximo 0,01%
Sulfato (SO4) Máximo 0,1%
10 – Estabilidade e Reatividade
Estabilidade: Higroscópico (absorve a umidade do ar).
Reatividade: Estável sob condições normais de temperatura e pressão.
Incompatibilidades químicas: Lítio + calor; anidrido dicloromaleico + uréia; compostos de
nitrogênio + eletrólise (formas de tricloreto de nitrogênio explosivo) e trifluoreto de bromo.
O cloreto de sódio fundido a 1100º C explode em contato com a água.
Produtos de decomposição perigosa: A decomposição térmica oxidativa de cloreto de sódio
pode produzir gás de cloro e óxido de sódio.
11- Informação Toxicológica
Olhos: (Toxidade moderada): Irritação com queimação e lágrimas (quantidade de sal maior que a quantidade normal de sal na lágrima).
Pele: (Toxidade pequena): Moderada irritação em áreas com ferimento.
Mucosa: (Toxidade moderada): Em grande quantidade pode causar irritação do trato respiratório;
Trato digestivo: (Toxidade moderada): Em caso de grandes quantidades pode causar sérios
danos aos rins e ao sistema nervoso central.12 – Informações Ecológicas
Ecotoxidade: O cloreto de sódio (sal), não é considerado um produto tóxico para natureza, contudo o uso desordenado e desmedido no solo e corpos d’água pode causar impacto ao meio ambiente.
Degradação do meio ambiente: As possibilidades de impacto ao meio ambiente poderiam ser:
Derramamento sobre solo: Contaminação do lençol freático, devido à permanência de grande quantidade de sal exposto à incidência de chuva e absorção da terra da salmoura produzida, até a diluição total. Mesmo assim, outras variáveis com relação à infiltração no solo devem ser consideradas, tais como: granulometria, pedologia do solo e topografia. O solo que recebe uma grande quantidade de sal por um longo período pode se tornar estéril, dado o processo de desidratação, prejudicando o plantio e/ou a vegetação existente.
Derramamento sobre vegetação: Neste caso, o impacto ambiental que afeta a vegetação, ocorreria proporcionalmente ao tempo em que o sal (em grande quantidade) permaneceria na área, sendo menos agressivo se este fosse retirado e o local fosse limpo o mais rápido possível
(principalmente antes que ocorra chuva). A vegetação nesta situação seria afetada, pois ocorreria
desidratação, com perda de parte da mesma; contudo não há problemas de intoxicação da fauna e flora, nem bioacumulação.
Derramamento em corpos d’água: Em corpos de água salgada (lagos salgados, mares), não há qualquer problema. Em rios e córregos em movimento, em que a velocidade é grande, há um impacto local de pequena proporção, visto que haveria alteração da salinidade da água, contudo não ocorreria mortandade de espécimes da fauna (peixes crustáceos, etc). Quando a quantidade de sal for muito grande e a velocidade do rio muito pequena, ou ocorrer em uma lagoa de água doce, poderá ocorrer mortandade de alguns espécimes da fauna (peixes, crustáceos, etc), contudo de forma pontual sem efeito residual.

13 – Considerações Sobre Tratamento e Disposição
Apesar do sal não ser um produto tóxico ou perigoso, as embalagens do produto destinadas ao uso industrial, que possam conter resíduos, devem ser dispostas e manuseadas com os mesmos cuidados de qualquer outro lixo industrial.

14 – Informações Sobre o Transporte
Terrestre: Não aplicável.
Fluvial: Não aplicável.
Marítimo (IMDG): Não aplicável.
Aéreo (IATA): Não aplicável.
15 – Regulamentações
O sal não possui classificação ou número de identificação da ONU, visto não ser classificado como produto perigoso.
16 – Outras informações
Nos locais onde se manipulam produtos químicos deverá ser realizado o monitoramento da
exposição dos trabalhadores, conforme PPRA (Programa de Prevenção de Riscos Ambientais) da NR-9. Funcionários que manipulam produtos químicos, em geral, devem ser monitorados
biológicamente conforme o PCMSO (Programa de Controle Médico de Saúde Ocupacional) da NR-7.
As informações e recomendações constantes desta publicação foram pesquisadas e compiladas de fontes idôneas, dos MSDS dos fornecedores e de legislações aplicáveis ao produto.
Os dados dessa Ficha referem-se a um produto específico e podem não ser válidos onde esse
produto estiver sendo usado em combinação com outros. A LGC Biotecnologia, com os fatos desta ficha, não pretende estabelecer informações absolutas e definitivas sobre o produto e seus riscos, mas subsidiar com informações, diante do que se conhece, os seus funcionários e clientes para sua proteção individual, manutenção da continuidade operacional e preservação  do Meio Ambiente.
• Código do produto: 304928
SKU: 13-1060-05 Categorias: , ,
error: O conteúdo está protegido !!